Música, artes visuais, audiovisual, palestras e workshops movimentarão as
dependências da Usina Cultural Energisa durante o mês de novembro

Durante o mês de novembro, a Usina Cultural Energisa receberá a sexta edição do Festival Mundo. Artes visuais, música, audiovisual, palestras e workshops fazem do festival um dos mais completos eventos culturais que acontecem no estado, sendo focado na produção de cultura independente.

O evento acontecerá oficialmente de 05 a 25 de novembro, mas antes acontecerão algumas prévias, como o Drops Festival Mundo ?? noites de shows que acontecem simultaneamente no Espaço Mundo e no Bronx Bar (em Campina Grande) ?? e o Aquecimento Festival Mundo, que será dia 03 de novembro com as bandas Claustrofobia e Warcused.

Bnegão & Os Seletores de Frequência (RJ)

Shows

Entre muitas novidades, esta edição também contará com 3 dias de shows (13, 14 e 15 de novembro) e apresentação de 27 bandas, cada qual com suas características particulares e ritmos, passando pela música mais que paraibana do rabequeiro Beto Brito, pelo experimentalismo de bandas como Fóssil (CE), A Banda do Joseph Tourton (PE) e Gigante Animal (SP), o reggae do Pé de Coco, o rap do BNegão & Os Seletores de Frequência (RJ), o metal de uma das grandes bandas nacionais do gênero, Violator (DF), chegando ao rockabilly do Camarones Orquestra Guitarrística (RN).

Móveis Coloniais de Acaju

Pela primeira vez, bandas da Argentina estarão no line-up do festival, que trará o experimentalismo ??anti tango? do Falsos Conejos e o rockabilly do The Tormentos ?? ambas bastante conceituadas na cena de música independente da Argentina. Além disso, uma banda foi formada  especialmente para abrir com chave de ouro o festival ?? a Varadouro Groove Orchestra, com formação super inusitada que conta com oito baterias, um baixo e metais.

Falsos Conejos

Exposição de Artes Visuais e abertura oficial do Festival

Intitulada V, a exposição de artes visuais marcará o início oficial do Festival Mundo, dia 05 de novembro na galeria da Usina Cultural Energisa, às 20h. A mostra ficará em cartaz até o dia 25 de novembro.

Em cena, estarão artistas em ascensão e também já renomados apresentando ilustrações, pinturas, infogravuras, desenhos, vídeo-arte e fotografias sob a curadoria de Diego Gerlach, Thiago Trapo e coordenação de Fábio Queiroz ?? fazendo um panorama da produção contemporânea do estado. No espaço
do Cine Café, também durante a vernissage, acontecerá um pocket show do músico (e também ilustrador) Rieg Wasa, além de uma palestra sobre vídeo arte com o artista plástico Chico Dantas.

Participarão da exposição Aline Beutenmüller (PB), Alessandra M. Soares (PB), Alessandro Potter (PB), Arthur Maia (PB), Chico Dantas (PB), Coletivo Suporte (PB), Cris Calaço (PB), Dani Calaço (PB), Diego Gerlach (RS/PB), Coletivo Holístico Extrapiramidal (PB), Íris Helena (PB), Krysna Nóbrega (PB), Luana Neiva (PB), Mariana Bueno (SP), Sérgio Rodriguez (RS), Verdeee (PB), Wênio Pinheiro (PB), Ovni Crew (PB), Rafael Passos (PB), Rafael Pereira / Cão Possuído (SP), Rafael Volleseele (PB), Shiko (PB), Silvia Maria (PB/SP) e Thiago Trapo (PB).

A produção do Festival confirma ainda para a mesma noite, a Festa de Lançamento no Espaço Mundo, após Vernissage. A festa começará às 22h e terá como atração a banda Nevilton, do Paraná. O Nevilton já esteve em João Pessoa duas vezes, uma delas no Festival Grito Rock 2010, em fevereiro, conquistando fãs para o som indie pop do grupo, que neste ano circulou pelo país inteiro em turnê. Este show será gratuito para os 100 primeiros compradores do Passaporte para os 3 dias de shows do Festival e, para os
demais, o ingresso custará R$8,00 ?? vendas no local.


Mostra Audiovisual

A mostra audiovisual, com o tema ??Sexo, drogas e rock??n roll? acontecerá na Sala Digital, paralelamente aos shows (dias 13, 14 e 15 de novembro), sendo uma parceria entre o Festival, a Associação Brasileira de Documentaristas da Paraíba (ABD/PB) e o Tintin Cineclube. Na mostra estarão curtas locais e
nacionais.

Além dos vídeos, projetos locais que misturam música ao vivo e projeções serão apresentados ao fim de cada noite, com Parahyba Art Ensemble
(ChicoCorrea & convidados),O Melhor Amigo do Homem (Thiago Sombra e Felipe Spencer) e, para finalizar na última noite, Comfusões Live (Mauricio Pacheco (RJ), Chico Correa e Carlos Dowling)

Oficinas e mesas redondas

Preocupado com a consolidação de um mercado independente, tanto em qualificação quanto em articulação, o Festival Mundo promove ainda uma programação de oficinas e mesas redondas, discutindo temas relevantes da produção cultural contemporânea. A programação detalhada destas atividades serão divulgadas em breve.

O Festival Mundo é filiado à ABRAFIN (Associação Brasileira de Festivais Independentes), está integrado ao Circuito Fora do Eixo e será realizado na Usina Cultural Energisa. O site oficial, patrocinado pela agência SODA Virtual, será lançado em breve. Nele, público e imprensa poderão acompanhar
novidades sobre a produção e a programação do festival. O endereço é www.festivalmundo.com.br.

PROGRAMA??O

Vernissage da Exposição Coletiva V
Dia 05 de novembro, às 20h ?? Galeria da Usina Cultural
Show com Rieg Wasa
Festa de Abertura
Dia 05 de novembro, às 22h ?? Espaço Mundo
Show com Nevilton (PR)

SHOWS:
Dias 13, 14 e 15 de novembro na Usina Cultural Energisa.
Início às 16h e portões abertos às 14h.

Sábado (13/11)

Violator (DF)
Madness Factory
Desalma (PE)
Wado (AL)
Falsos Conejos (Argentina)
Pé de Coco
A Banda do Joseph Tourton (PE)
Ubella Preta
Varadouro Groove Orchestra

Domingo (14/11)

Móveis Coloniais de Acaju (DF)
Julia Says (PE)
Beto Brito
Seu Pereira & Coletivo 401
Os Reis da Cocada Preta
Sem Horas
Elmo
Anjo Gabriel (PE)
Dalva Suada

Segunda (15/11)

Bnegão & Os Seletores de Frequência (RJ)
Abiarap
The Tormentos (Argentina)
Cabruêra
Camarones Orquestra Guitarrística (RN)
Gigante Aniamal (SP)
Fóssil (CE)
Sex On The Beach (CG)
Madalena Moog